(48) 3901-2000
vendas@unilimoveis.com.br CRECI 1162J

Vale a pena morar no centro de Florianópolis?

Vale a pena morar no centro de Florianópolis?

Falar sobre o Centro de Florianópolis é falar sobre história e os eventos que ocorreram no marco central da cidade.

Coração político do estado, o Centro já recebeu figuras ilustres como Dom Pedro II. Também foi palco da Novembrada, grande manifestação popular que ocorreu durante a visita do último presidente do regime militar, João Baptista Figueiredo.

Devido à sua posição estratégica entre o Rio de Janeiro e Buenos Aires, a então conhecida Nossa Senhora do Desterro se destacava nas atividades portuárias.

As relações estabelecidas com outras regiões fizeram com que o fluxo de pessoas crescesse e também permitiram o crescimento comercial e residencial ao redor do porto.

Nos últimos anos, o comércio mais conservador ainda é forte no Centro da cidade, porém cada vez mais abrem novas propostas residenciais e de mercado.

Quer saber se vale a pena morar no Centro de Florianópolis? Acompanhe o post.

Ilha do Silício


Em setembro de 2015, a Prefeitura de Florianópolis lançou o projeto Centro Sapiens, que incentiva a transformação do Centro em um polo da economia criativa, voltada para instalação de novas empresas de tecnologia, as startups, que envolvam outros setores como design, turismo, moda, gastronomia e arte.

Com isso, Florianópolis “estourou” no setor da tecnologia. Florianópolis tornou-se uma das principais polos tecnológicos do país, ficando atrás apenas de São Paulo. As empresas juntas possuem faturamento de R$ 6 bilhões ao ano. É um destaque de um setor que não viu a cor da crise.

A BBC UK destacou a atuação da cidade como uma aposta para a posição de “Vale do Silício Latina”. Assim a Ilha catarinense ficou popularmente conhecida como Ilha do Silício.

Os novos ares não estão relacionados apenas com o comércio sustentável ou tecnológico. Há novas opções de programação cultural, como os happy hours na Travessa Ratcliff, ou as exposições artísticas em espaços culturais na Fundação Cultural Badesc e no Museu da Escola Catarinense, todas no Centro de Florianópolis.

Centro de Cidade Grande


O Centro de Florianópolis, como ocorre em todas as Capitais brasileiras, têm problemas considerados de "cidade grande". Trânsito parado, altos custos de moradia e violência.

Uma opção alternativa para contornar o problema do trânsito é procurar fazer compras ou ir para o trabalho a pé, de bicicleta ou utilizar o Uber. São opções mais saudáveis, econômicas e menos poluentes.  

Dados recentes da Secretaria de Estado da Segurança Pública apontam que o Centro de Florianópolis está longe de ser o bairro mais violento da Capital. Os três primeiros são Ingleses, Monte Cristo e Vargem Grande.

Os custos de moradia variam de acordo com a região. Próximo da Beira Mar Norte estão os condomínios mais caros da Capital, porém, é muito fácil encontrar apartamentos e imóveis de qualidade e mais acessíveis em outras regiões, como o bairro Itacorubi, Estreito e Capoeiras.

 


  • Itacorubi




 

Situado ao longo do caminho que liga a Lagoa da Conceição ao Centro, o bairro Itacorubi localiza-se na região central da Ilha.

Possui excelente estrutura para quem quer morar próximo ao Centro, pois abriga vários órgãos do poder público do Estado, em sua maioria ligados aos setores agropecuário e industrial.

Passam diversos ônibus com frequência e tem Universidades, bares, pubs, academias, supermercados, postos de gasolina e hospitais próximos.

 


  • Estreito




 

O bairro Estreito tem esse nome porque é a parte do continente mais próxima à porção insular da capital.

É uma região bastante dinâmica, mescla grandes condomínios e prédios residenciais com uma infinidade de opções de comércio, gastronomia e lazer.

Também encontra-se o estádio Orlando Scarpelli, sede do Figueirense Futebol Clube. Além de receber os jogos dos principais campeonatos de futebol do país, também serve de palco para alguns dos eventos culturais da cidade.

 


  • Capoeiras




 

Localizado na parte continental de Florianópolis, o bairro Capoeiras é o maior e mais populoso bairro desta região, com partes comerciais e residenciais.

O comércio é variado e concentra-se ao longo das vias principais, como a Avenida Ivo Silveira e Prefeito Dib Cherem.

É uma boa opção para morar perto do Centro de Florianópolis. Destacam-se nessa região a Loja Havan e os Hipermercados Angeloni e BIG, além de concessionárias e lojas de veículos.

Considerações Finais


O comércio e os serviços têm crescido bastante, alavancados pelo desenvolvimento tecnológico e o diferencial da cidade de Florianópolis, que é a qualidade de vida.

Morar na região central ou nas redondezas pode ser muito vantajoso se você tem uma rotina movimentada e também quer comodidade, segurança e lazer.

Nós da Unil Imóveis temos diversas opções de casas e apartamentos nessas regiões.

Por isso, não deixe de visitar o nosso site para conhecer todas as excelentes opções de empreendimentos.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *